Após derrota para o Sport, Bahia demite Jorginho

orginho não é mais técnico do Bahia. No início da tarde desta segunda-feira, o clube baiano anunciou, por meio de nota, a demissão do treinador. A decisão ocorre um dia após a derrota para o Sport, na Arena Fonte Nova, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. O auxiliar Luis Carlos Quintanilha e o preparador físico Joelton Urtiga também deixam a agremiação. Preto Casagrande comanda a equipe de forma interina na partida contra a Chapecoense. O diretor de futebol do Bahia, Diego Cerri, conversou com jornalistas no embarque da delegação tricolor rumo…

Ler mais...

Procuradoria volta a pedir prisão de Aécio Neves

A PGR (Procuradoria-Geral da República) voltou a pedir nesta segunda-feira (31) a prisão do senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o afastamento dele do cargo.Em 30 de junho, último dia antes do recesso do Judiciário, o ministro Marco Aurélio, do STF (Supremo Tribunal Federal), devolveu o mandato ao tucano e negou pedido de prisão feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Agora, a PGR recorreu.Caso a prisão preventiva não seja decretada, Janot pede para que o STF imponha medidas cautelares a Aécio, como o uso de tornozeleira eletrônica e a proibição…

Ler mais...

Dois jovens são encontrados mortos dentro de carro em Porto Seguro

Dois jovens foram encontrados mortos dentro de um carro, na manhã desta segunda-feira (31), no bairro Mira Porto, na cidade de Porto Seguro. Os corpos, com marcas de tiros, estavam no banco traseiro do veículo modelo Uno, cor prata, abandonado em uma estrada de pouco movimento. O delegado Valfredo Neto identificou as vítimas como dois primos; Patrick Silva Pereira, de 19 anos, e Gustavo Terra Pereira, de 17. O delegado afirmou ainda que os dois eram de Eunápolis, mas estavam morando no Espirito Santo. “Há 15 dias eles voltaram à…

Ler mais...

Lava Jato recorre por pena mais dura a Lula e condenação de Okamotto

A força-tarefa do Ministério Público Federal na Operação Lava Jato recorreu ao juiz Sérgio Moro nesta segunda-feira, 31, por uma pena mais pesada ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e também pela condenação do presidente do Instituto Lula Paulo Okamotto, no caso triplex no Guarujá. O petista foi condenado a 9 anos e seis meses de prisão por suposta corrupção e lavagem de dinheiro de R$ 2,2 milhões que envolvem o valor empregado pela OAS no imóvel, no condomínio Solaris, no Guarujá, litoral paulista, e em suas respectivas reformas.…

Ler mais...